A Confederação Brasileira de Futebol (CBF), anunciou, na manhã desta sexta-feira (12), o desligamento de Leonardo Gaciba como presidente da Comissão de Arbitragem.

A decisão foi tomada após uma conversa do presidente interino da entidade, Ednaldo Rodrigues, com o próprio Gaciba.

"O entendimento mútuo foi pela necessidade de uma mudança, com a implementação de novos procedimentos visando maximizar os acertos e minimizar os erros de todos os envolvidos!, disse a CBF, em nota oficial.

Agora, Alício Pena Júnior, ex-árbitro e vice-presidente da Comissão, assume o cargo até o final do Brasileirão. Para 2022, a CBF busca um novo nome.

Leonardo Gaciba havia sido contratado em 2019 para chefiar a reformulação da arbitragem brasileira, principalmente com a implementação do VAR. No entanto, os frequentes erros no apito e algumas críticas fizeram com que ele não durasse muito no cargo.

Inclusive, a sua demissão foi antecipada. A tendência é que ele seguisse até o fim da temporada, mas a piora nos últimos jogos, especialmente em Flamengo x Bahia, na noite de quinta-feira (12), com um pênalti mal marcado a favor do time carioca, aceleraram as mudanças.

Participe da conversa!
0